Destaque Dicas

5 Razões para ler Hospício é Deus| O Sofredor do Ver, de Maura Lopes Cançado

00:01Kellen Pavão


Recentemente a Editora Autêntica relançou os livros Hospício é Deus e O Sofredor do Ver, da escritora mineira Maura Lopes Cançado. A elogiada escritora fala como ninguém sobre a loucura e traz uma intensa auto-biografia que narra os detalhes do sistema psiquiátrico antes da reforma. Hoje trago a vocês cinco razões para conhecer dois de seus livros: 

1) Hospício é Deus foi escrito dentro de um hospital psiquiátrico 

Falar sobre as doenças da mente é entrar em um lugar sombrio, complexo e desconhecido - sabemos que a loucura é um verdadeiro tabu em nossa sociedade. Por isto Hospício é Deus é tão importante: Maura Lopes Cançado escreve o livro de dentro de um hospital psiquiátrico, durante a sua segunda internação. A sua internação aliada à sua forma franca e visceral de escrever faz com que o livro seja absurdamente intenso e verdadeiro.


2) Você precisa conhecer melhor Maura Lopes Cançado.

Elogiada por Ferreira Gullar e Carlos Heitor Cony, Maura Lopes Cançado ainda não alcançou o merecido status dentro da literatura nacional, e sua obra é foi praticamente redescoberta nos últimos anos, tornando-se objeto de estudo de dissertações e teses de doutorado recentes.

3) Hospício é Deus é um incrível diário

Maura Lopes escreveu um diário onde narra sua vida e sua insanidade no hospício, antes da reforma no sistema psiquiátrico. Começando em sua infância até chegar em sua fase adulta, Hospício é Deus é um diário onde a escritora revela os detalhes de sua internação expondo abertamente a sua loucura.  

4) O Sofredor do Ver é uma intensa coletânea de contos 

Neste livro Maura Lopes Cançado traz uma intensa coletânea de contos, alguns inclusive criados durante a sua internação no hospital psiquiátrico. Aqui nos deparamos mais uma vez com a incrível capacidade da escritora mineira de contar histórias.
“Hospícios são as flores frias que se colam em nossas cabeças perdidas em escadarias de mármore antigo, subitamente futuro – como o que não se pode ainda compreender. São mãos longas levando-nos para não sei onde – paradas bruscas, corpos sacudidos se elevando incomensuráveis: Hospício é não se sabe o quê, porque Hospício é deus.”

5) A Editora Autêntica lançou uma belíssima edição

Esgotados há anos, os livros Hospício é Deus (diário) e O Sofredor do Ver (coletânea de contos) foram relançados pela Editora Autêntica em uma belíssima edição, composta por uma caixa box que traz uma foto de Maura na capa, os dois livros e um perfil biográfico escrito por Maurício Meireles. Uma edição linda que faz jus à grandiosidade do trabalho de Maura Lopes Cançado.

You Might Also Like

1 comentários

  1. Olá! Foi muito bom ter lido este post, pois nunca ouvi falar da autora, nasci e moro em Minas Gerais e não conhecia. Existem outros livros dedicados aos hospícios mineiros como Holocausto Brasileiro da Daniela Arbex, mas da Maura nunca li nada. Boa dica, ficarei de olho nas livrarias. Abraço!

    ResponderExcluir

Obrigada por participar do nosso Universo! Seja sempre muito bem vindo...

Acompanhe nosso Twitter

Formulário de contato