Fantasia Fronteiras do Universo

A Bússola de Ouro, de Philip Pullman

00:00Samy


Ei pessoal! Hoje trouxemos para vocês a resenha do primeiro volume de uma das trilogias mais aclamadas do mundo, Fronteiras do Universo, de Philip Pullman.

A Bússola de Ouro dá início às aventuras de Lyra Belacqua e Pantalaimon, seu daemon. Lyra é uma menina de 12 anos que mora na Universidade Jordan, uma das mais importantes e famosas de seu mundo. Diferente de outras crianças da univerdade – em sua maioria filhos dos criados – Lyra foi criada pelos magistrados do lugar, quando foi levada para lá pelo seu tio, Lorde Asriel. Apesar disso, o que Lyra mais gosta de fazer é fugir das aulas e ir correr com as outras crianças pela cidade, pelos telhados e pelo meio dos gípcios.


No início do livro ficamos meio perdidos sem entender muito bem o que é um daemon, só sabemos que cada pessoa tem um e que eles possuem a forma de animais. Onde uma pessoa vai seu daemon a acompanha. Mas no decorrer da história tudo vai ficando mais claro e o papel dos daemons começa a se tornar evidente.

Um dia Lyra assiste a uma reunião privativa e descobre toda uma conspiração que envolve seu tio. Quando crianças de toda a cidade começam a desaparecer misteriosamente, Lyra decide aceitar sair da Universidade Jordan para tentar descobrir o que está acontecendo. E aí suas aventuras começam de verdade.


Lyra é uma menina muito inteligente e perspicaz, que não dá a menor bola para bons modos e não está muito preocupada em seguir ordens. No início eu fiquei um pouco em dúvida se eu gostava dela, porque em geral tenho um pouco de preguiça de “rebeldes sem causa” e crianças mal-criadas, mas Lyra tem um jeito todo peculiar de ser que conseguiu me fazer ficar em dúvida. Com o passar da leitura eu fui me apegando cada vez mais a ela e no final já estava achando uma personagem maravilhosa!

Uma dos motivos que me fez gostar da Lyra foi a complexidade que o autor conseguiu dar a ela. Em partes com ajuda da personalidade de seu deamon, Pan, que às vezes age como o “responsável” da dupla, Lyra é uma personagem bem tridimensional. Ela tem muitos defeitos, mas é uma criança extremamente leal, muito curiosa e super determinada. Ela pode ser enganada, mas quando descobre que foi passada para trás, faz tudo a seu alcance para mudar o curso dos acontecimentos a seu favor.


Esse primeiro livro é bem mais leve, embora já dê umas pinceladas de temas como religião, magia e ciência, uma mistura explosiva! Vamos acompanhando a jornada de Lyra e Pan para tentar salvar Roger, amigo de Lyra e uma das crianças desaparecidas.

À medida que Lyra vai descobrindo coisas, começa a perceber que é tudo muito mais complexo do que imaginava e que tudo está relacionado a uma cidade no céu – que ela não entende –, à senhora Coulter e a seu tio. É nesse primeiro volume também que somos apresentados ao aletiômetro. Não vou entrar em nenhum detalhe aqui, pois é um aparelho tão excepcional que merece ter tudo a seu respeito explicado durante a leitura do livro.

Outro personagem que merece destaque é Iorek, um urso de armadura. Como toda boa e velha fantasia, o que seria de nós sem um bom guerreiro? Iorek faz uma dupla incrível com Lyra, como um personagem muito interessante e profundo. Sábio e meio mau humorado, ele conseguiu me conquistar rapidamente.


A narrativa de Phil Pullman faz jus à fama do autor. A leitura segue fluida e quando vemos já estamos chegando ao final do livro. Ele dá detalhes no ponto certo para não ficar demais e deixar a leitura entediante, mas nem de menos a ponto de deixar lacunas ou pontas soltas.

“- Pronto. Acabei de esbarrar em outros dez milhões de mundos, e eles nem fazem ideia. Estão tão próximos de nós quanto nós mesmos, mas não podemos tocar, ver ou ouvir os outros mundos, a não ser nas Luzes do Norte.”

Essa nova edição da Suma de Letras está fantástica. A capa é maravilhosa, as páginas grossas e amareladas. Não observei erros de revisão além da conta, que chamassem atenção.

Em breve aparecerão por aqui os próximos livros da trilogia, A Faca Sutil e A Luneta Âmbar. Não percam a continuação!

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por participar do nosso Universo! Seja sempre muito bem vindo...

Acompanhe nosso Twitter

Formulário de contato