Belo Horizonte casa fiat de cultura

Casa Fiat de Cultura recebe exposição inspirada em peça de teatro e revista em quadrinhos

14:28Isabela Lapa

Foto:Leo Lara


O Grupo Galpão é uma referência em Belo Horizonte e dispensa apresentações. Criado no ano de 1982, ele tem o objetivo de levar o teatro à rua e de universalizar o acesso a essa manifestação artística tão importante.

Entre os seus espetáculos, um que se destacou nos últimos anos foi o Os Gigantes da Montanha, inspirado no trabalho de Luigi Pirandello, um dramaturgo italiano que ficou conhecido como o renovador do teatro.

Dirigida por Gabriel Villela, a peça, que retrata de forma muito delicada o papel da arte e do teatro para a formação humana e para a reconstrução dos valores em um mundo pragmático, foi assistida por mais de 30 mil expectadores em Belo Horizonte e já rodou cinco regiões do país.

Como uma pessoa que acredita que a arte e a beleza são os principais pilares para a transformação individual dos seres humanos, eu me emociono só de ler esses dados.

Mas mais emocionante que isso foi a notícia que recebi em um coquetel de imprensa realizado no dia 29 de maio, na Casa Fiat de Cultura: a peça ganhou uma adaptação em quadrinhos e também será objeto de uma exposição muito especial. 

A edição, publicada pela Nemo, que integra o Grupo Autêntica, grupo editorial mineiro consolidado no mercado, conta com texto de Inês Peixoto e ilustrações de Carlos Avelino e Bruno Costa.

Foto: Isabela Lapa/Universo dos Leitores

No coquetel, Carlos Avelino contou que nunca havia ilustrado uma HQ e que a experiência de uma transposição de linguagens artísticas foi única. De acordo com ele, as inspirações vieram do figurino, da maquiagem e da ambientação da peça, que fazem várias referências à arte barroca. 

Rejane Dias, fundadora do Grupo Autêntica, aproveitou o encontro para destacar que os brasileiros estão se interessando cada vez mais por livros que levantam questões políticas e sociais, razão pela qual a editora apostou no título.

Ela comentou, ainda, que em momentos como os que estamos vivendo, é interessante observar que a população está se esforçando para ter mais conhecimento e é essencial que as pessoas descubram obras que geram reflexões e que destacam o valor da arte.

Ana Vilela, gestora de cultura da Casa Fiat de Cultura, revelou que o interesse em fazer a exposição veio da possibilidade de mostrar ao público uma experiência cruzada entre várias linguagens artísticas: teatro, quadrinhos e música. 

O que ela comentou fez muito sentido quando a porta se abriu e eu olhei para cada um dos detalhes. As roupas repletas de cores, os rascunhos do trabalho do Avelino e no canto e a HQ, que está espetacular.

Foto: Isabela Lapa/Universo dos Leitores

Meus olhos brilharam ao ver as sombrinhas penduradas e as fotos do espetáculo impressas em meio a tanta luz e tantos sentimentos. Fiquei sem palavras e recomendo muito que passem por lá.

A exposição ficará no museu no período de 4 de junho a 14 de julho, de terça a sexta-feira, entre 10h e 21h, e sábado, domingo e feriado entre 10h e 18h.

A entrada é gratuita e durante o período de exibição serão realizadas várias atividades interativas, entre elas, oficinas para professores, ateliê de caracterização de personagens etc.

Vamos?

Para outras informações vocês podem acessar o site da Casa Fiat de Cultura ou ligar para (31) 3289-8900.

Beijos, Isabela.

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada por participar do nosso Universo! Seja sempre muito bem vindo...

Acompanhe nosso Twitter

Formulário de contato